Aos 65 anos, Roberto Oliveira é um exemplo a ser seguido no vôlei de praia

Publicado em: 15/11/2017 20:40

As areias do Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV) revelam histórias incríveis. Uma delas vem sendo escrita por Roberto Oliveira. São 65 anos de idade, 53 deles dedicados ao vôlei de praia. Jogando em duas categorias (59+ e 63+), ele é um dos atletas mais experientes que participam do Vôlei Master.

Aos 12 anos, em Recife (PE), foi a primeira vez que Roberto teve contato com a modalidade. Desde então, ir até a praia, armar a rede e jogar com os amigos virou um hábito.

“Eu torço para chegar logo o fim de semana. Temos um grupo de amigos, que se reúne na praia de Copacabana para bater uma bola, conversar e treinar para as competições”, afirmou.

A disposição física e a alegria por estar dentro de quadra são os combustíveis para que Roberto levante às 6h para treinar. A preparação acontece na Praia de Copacabana, um dos cartões postais do Rio de Janeiro.

“Treinamos das 6h30 até às 9h, depois tomamos um banho, trocamos de roupa e vamos trabalhar. Todo esse esforço é para manter a preparação em dia e fazer bonito nas competições. Quando chega essa época só penso em vir para Saquarema e jogar“, destacou.

Longe de pensar na aposentadoria, experiente atleta relembrou momentos importantes da sua carreira, que o fizeram se apaixonar cada vez mais pelo voleibol.

“Sempre pratiquei quadra e praia, com isso a minha ligação com o voleibol ficou cada vez mais forte. Senti que precisava ensinar mais pessoas e comecei a dar aulas. Essa rotina durou sete anos, depois decidi só me dedicar ao vôlei de praia. Esse é um ambiente sensacional, onde encontramos os amigos, fazemos novas amizades e convivemos com pessoas de alto nível”, salientou.

Pensando no futuro, Roberto Oliveira traça os próximos objetivos a serem alcançados. “Em abril e maio do ano que vem vou disputar um brasileiro em João Pessoa. Assim vou fazendo a minha preparação pensando em retornar para Saquarema”, finalizou.

Além das disputas acirradas nas quadras de areia e do ginásio que acontecem diariamente, o CDV oferece uma grande estrutura de entretenimento, alimentação e lazer para os atletas e visitantes que passarem pelo Vôlei Master.

A competição também serve para movimentar a economia da cidade de Saquarema, na Região dos Lagos no litoral fluminense, que considera a competição como principal evento do calendário municipal. Uma equipe de aproximadamente 100 profissionais entre árbitros, delegados, prestadores de serviços e colaboradores da CBV trabalham para o sucesso do Vôlei Master 2017.

VEJA OS RESULTADOS DO VÔLEI DE PRAIA (DUPLAS)
http://www.aplicativoscbv.com.br/masterpd2/tabelad.asp

VEJA OS RESULTADOS DO VÔLEI DE PRAIA (QUARTETOS)
http://www.aplicativoscbv.com.br/masterpq2/tabelaq.asp

VEJA OS RESULTADOS DO VÔLEI DE QUADRA
http://www.scconsultoria.com.br/master-2017/

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro


Parceiros Oficiais