Vôlei Master chega ao fim com balanço positivo

Publicado em: 18/11/2016 12:02

Quando o árbitro apitar o encerramento do jogo na decisão da categoria 35+ de voleibol indoor, no início da tarde deste sábado (19.11), terá chegado ao fim a maratona de 1.287 partidas realizadas no Centro de Desenvolvimento de Voleibol (CDV), em Saquarema (RJ). É com essa grandiosidade que a 13ª edição do Vôlei Master foi realizada, reunindo veteranos praticantes de vôlei.

A principal competição deste tipo no país cresceu ainda mais nesta temporada. Com a facilidade de inscrições e reserva de hospedagem por meio de sistema automatizado de venda on-line, a quantidade de atletas foi de 3.117 inscritos das cinco regiões brasileiras. Ao todo circularam mais de 7 mil pessoas pelo CDV nos oito dias de evento, incluindo os mais de 4 mil visitantes.

As novidades para a temporada não ficaram apenas na maneira de garantir a participação. A estrutura montada pela Confederação Brasileira de Voleibol (CBV) proporcionou maior conforto e segurança aos visitantes e jogadores, com o mesmo conceito de serviços dos grandes eventos esportivos: praça de alimentação com ampla oferta em instalações temporárias e food trucks, uso de credenciais para garantia de acesso e loja de produtos oficiais (como copos, camisas e agasalhos desenvolvidos exclusivamente para o evento). Além disso, o entretenimento foi reforçado com shows ao vivo todas as noites. Os que se hospedaram no CDV ganharam mais privacidade graças a uma portaria de acesso exclusivo.

“Estou muito feliz com a edição do Master 2016, batemos o recorde de participações na praia e na quadra, melhoramos nossa estrutura, dando mais segurança e conforto aos participantes.

Como consideramos que o Master é um ponto de encontro onde os ex-atletas fazem uma grande confraternização, críamos uma área de entretenimento onde durante todo o dia as pessoas podiam se alimentar, fazer massagens, guardar seus pertences, e à noite podiam assistir a shows e dançar. É um pecado que já esteja terminando, mas ano que vem temos um novo encontro agendado para o Master 2017”, comentou o diretor de Voleibol de Quadra da CBV, Radamés Lattari.

 

Na competição indoor foram 165 times inscritos e 501 partidas realizadas. Ambos os naipes tiveram os torneios nas categorias 35+, 40+, 45+, 50+, 55+ r 59+, enquanto apenas equipes femininas participaram da briga pelo título do 63+, 67+ e 70+, que jogaram entre si. Como já é tradição, ex-atletas, incluindo medalhistas olímpicos, compareceram para mostrarem que a paixão pelo voleibol não tem fim. A medalha de bronze com a seleção feminina em Atlanta 1996 Filó participou pela primeira vez, enquanto Mônica Rodrigues, prata no vôlei de praia na mesma edição dos Jogos, disputou mais uma temporada pelo AABB RJ.

As equipes do voleibol indoor também puderam experimentar uma novidade tecnológica durante o Vôlei Master 2016. Os resultados de todas as partidas, tabelas de jogos e classificação foram disponibilizados em plataforma digital desenvolvida e alimentada pela equipe da SC Consultoria, parceira da CBV há mais de 20 anos, e que organizou uma ilha de consulta nos corredores do ginásio principal do CDV. Os atletas também puderam acessar todos os dados por meio de tablets e celulares.

“Estamos há praticamente um ano desenvolvendo o sistema. Era um pedido dos atletas do Master. Tenho que agradecer à Elaine Monteiro, nossa colaboradora, que ficou dedicada a este trabalho. Ela é a grande responsável por este projeto ter sido concretizado. Agora poderemos divulgar os resultados de forma mais rápida e direta, dando uma dinâmica maior à competição”, contou Sandra Caldeira, diretora da SC Consultoria.

Na disputa por medalhas nas areias o número de participantes também cresceu e chegou a um total de 336 duplas e quartetos, aumento de 35% em relação à 2015. Em 2016 foram disputados no todo 786 confrontos. Os torneios de duplas 35+, 40+, 45+, 50+, 55+ e 59+ contaram com os dois naipes. Na briga pelo título dos quartetos, homens e mulheres participaram do 35+, 40+, 45+, 50+ e 55+, enquanto apenas elas disputaram a competição do 59+.

O Vôlei Master 2016 contou com a participação de aproximadamente 180 profissionais, só de arbitragem foram 63 árbitros e apontadores.  Também trabalharam para que o evento funcionasse prestadores de serviços e colaboradores da CBV. A competição serviu ainda para movimentar a economia da cidade de Saquarema, na Região dos Lagos no litoral fluminense, que considera o Master como principal evento do calendário municipal. A 14ª edição já está prevista para acontecer entre 11 e 18 de novembro de 2017, também no CDV, em Saquarema.

Os resultados do 13º Vôlei Master são publicados diariamente em http://voleimaster.cbv.com.br/

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro. 



patrocinadores